Paradoxo do Humilde

Sabendo de sua vida em todos os aspectos, um dia (ou até mesmo agora lendo este texto) parará para pensar sobre honestidade e humildade de outras pessoas ou situações até que todo esse exercício lhe fará voltar para si e se questionará sobre suas atitudes e hábitos trazendo à tona a pergunta: sou humilde? Com esta auto-analise você pode ter 2 conclusões: que não ou que sim. Respondendo negativamente, estará sendo convicto com suas concepções da vida e escapando (na minha perspectiva) do paradoxo, por quê? Vejamos, ao concluir que é humilde, passará em suas avaliação que você se distingue dos outros e que por vangloriar esta constatação; dando maior importância a esse fato, se torna o oposto. Com isso, perde a humildade de “estar” e passa a não “ser” modesto por sua analise que segundo suas convicções seria positivo ter esta caracteriza mas ao parar para argumentar ou melhor, pensar sobre este fato, seu intuito não é mais “humilde” de fato. Então, você é humilde?

Não, de forma alguma após ler o texto acima automaticamente você se torna arrogante, é apenas um exercício de auto-estima, convicção e de moral, pois há vários tipos de explicações do “ser” humilde. O paradoxo não é universal por esta razão, apenas se restringe ao pensamento e não ao estilo de vida.

Anúncios

Tags: , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: