Email: Criaturas encontradas à beira-mar depois do Tsunami no Japão é FALSO

Senhores proprietários de blogs

Temos que ter cuidado com e-mails com conteúdos inverídicos notadamente sobre o assunto Tsunami quando foram mostrados varias criaturas “trazidas a tona”. Esse fato jamais poderia ocorrer já que os maremotos não fazem esses fenômenos. Se fosse assim, o tsunami de 2004 na Indonésia teria tido o mesmo resultado o que não o ocorreu. Também algumas imagens eu mesmo tenho em meu blog, confirmando a falsidade dessas informações:

https://dyakuzy.wordpress.com/2009/09/19/os-bizarros-que-nao-sao-ets/

Portanto esse e-mail é falso.

Atenciosamente

Giuliano Denardi Botteon

Anúncios

Tags:

2 Respostas to “Email: Criaturas encontradas à beira-mar depois do Tsunami no Japão é FALSO”

  1. DiAfonso Says:

    Caro Editor,

    Agradeço o alerta quanto ao teor falseado da informações constantes na postagem http://profdiafonso.blogspot.com/2011/07/criaturas-encontradas-beira-mar-depois.html.

    O seu comentário não foi publicado porque você não obedeceu à política de comentário do Blog. Essa política veda toda e qualquer participação de comentaristas anônimos.

    De qualquer maneira, farei a observação no corpo da postagem.

    Grato pela informação.

    Atenciosamente,

    DiAfonso [editor-geral do Terra Brasilis]

  2. DiAfonso Says:

    Caro Giuliano,

    A editoria-geral não só aprovou seu comentário, como também levou em consideração suas observações. O título da postagem foi alterado e uma nota foi inserida.

    Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: